História

História


Nossa História

O Politeia foi idealizado pelos estudantes do Instituto de Ciência Política da UnB (IPOL) como projeto de ensino, pesquisa e formação política, centrado na simulação das atividades da Câmara dos Deputados. Hoje, nossa equipe é formada por estudantes de cursos como Ciência Política, Comunicação Social, Ciências Sociais, Direito e Economia. A iniciativa tem como objetivo oferecer a seus participantes conhecimento e vivência das atividades políticas do parlamento. Além disso, visa aprimorar a relação entre Estado e sociedade civil e proporcionar experiências práticas do processo político brasileiro.

Para isso, o participante tem a oportunidade de atuar diretamente na elaboração, tramitação e deliberação dos Projetos de Lei em Comissões e em Plenário, um processo verídico à realidade da Casa Legislativa. Este método proporciona ao participante a oportunidade única de simular as principais decisões tomadas no país e também a possibilidade de compreender o funcionamento do Congresso Nacional e conhecer melhor a dinâmica das instituições democráticas.

O Politeia também atua em outras frentes, promovendo Ciclos de Seminários, Workshops, Cursos de Capacitação e eventos diversos com o objetivo de disseminar e tornar acessível o conhecimento sobre as principais questões políticas do país.

O Projeto

Durante o período de um ano, a organização estuda as regras do processo legislativo e procura adaptá-las, com a maior fidelidade possível, ao espaço da simulação. Os estudantes organizam a simulação e a fazem acontecer para mais de cem participantes.

A organização está dividida em quatro coordenadorias. Cada uma delas é responsável por uma área de atuação, antes e durante a simulação:

Coordenadoria Geral: Articula e gerencia os trabalhos das coordenadorias e representa o Politeia frente ao Instituto de Ciência Política/UnB, à Câmara dos Deputados, aos Parceiros e demais grupos.

  • Coordenadoria Acadêmica: É responsável pela elaboração de material preparatório para os deputados simulandos (guia de estudos e regimento interno do Politeia) e pelo treinamento dos participantes e organizadores. Durante a simulação, os membros da coordenadoria acadêmica assessoram as comissões e a mesa diretora no papel de secretários.
  • Coordenadoria Administrativa: Tem a atribuição de estruturar e oferecer suporte logístico à simulação, além de gerir os recursos financeiros. Também garante o bom  funcionamento e andamento da simulação na Câmara dos Deputados.
  • Coordenadoria de Comunicação: É responsável pela estrutura de divulgação, pela assessoria de imprensa, pelo gerenciamento da identidade do Politeia, e pela produção de materiais para os repórteres (Manual de Imprensa) do Politeia. Na simulação, a coordenação se divide entre a edição das matérias tanto do site quanto da assessoria para meios externos, e relações públicas.

​Quer fazer parte do projeto? O processo seletivo para a equipe organizadora é realizado sempre no início do segundo semestre letivo de cada ano.

Missão

Ser um meio reconhecido de aprendizagem sobre Processo Legislativo e demais aspectos da política brasileira. Promover o conhecimento e a prática das atividades políticas, valorizando a comunicação entre Estado e Sociedade Civil e proporcionando experiência no Processo Legislativo e na Formação de Políticas Públicas.

Visão

Instigar a conscientização e participação política e social dos indivíduos. Promover o debate sobre problemas políticos nacionais. Despertar, ainda, ao participante do Politeia a responsabilidade social que cabe a nós, brasileiros, de procurar soluções para viabilizar a construção de um país mais justo e igualitário.